É nomeada nova Secretária da Saúde de Macaúbas. E aguarda-se “Uma Nova História, Um Novo Tempo”!

Nova História: 

É o que se espera de um “novo governo”. Aloisio foi eleito com uma pequena diferença de apenas 81 votos, o que retrata uma “quase” divisão da população de Macaúbas, as razões de sua vitória, são as mesmas razões que levaram a derrota de Amelinho, e tendo isso como quilha do pensamento, é sabido que ele deve fazer antes de tudo uma Nova História, ou o povo terá as mesmas razões que o levou a vitória, para querer de volta “os velhos tempos”!

E como se constrói uma Nova História?

Fazendo diferente! É fazendo diferente que se obtém outros resultados, e espera-se que este diferente seja melhor. E como fazer um “diferente melhor”? Sabe-se que a melhor forma de resolver problemas é FAZENDO PERGUNTAS. Sendo assim, basta OUVIR o povo, saber de suas necessidades, desejos, sonhos… Se puder OS ATENDAM. Visto que, a prioridade de qualquer governo é atender as necessidades do seu povo. Um gestor deve ter OLHOS e OUVIDOS em todos os lugares, ser talvez, um “Onipresente”  (sem blasfemar, visto que este é um Dom apenas do Criador), mas, sem exageros, apenas para o leitor (a), ter um parâmetro da importância do gestor público em ser um VERDADEIRO LIDER, e isso, está mais do que na sua postura, está no seu jeito de ser receptivo, empático e solidário com seu POVO! Uma Nova História se constrói, quando você tem plena consciência do que foi a “história anterior”, usa-o com um “rumo a não ser seguido”, quando esta leva-o ao abismo, e usa-o como “rumo” se esta o levar a melhores resultados. Eis ser ai, receptivo! Mais que isso, RECEBA o povo em seu abraço, dê-lhe a atenção e aprenda com este provérbio: “Na verdade o povo quer ser mais ouvido, do que ter suas reivindicações atendidas“! E a comunicação é a chave!

Um Novo Tempo: 

O tempo é um ser indomável, indomesticável, volúvel e ironicamente estável! E neste último, a estabilidade é onde repousa o segredo de um governo seguro, além de ser flexível, é o que a “Dama do Tempo” quer, como qualquer mulher: estabilidade e segurança! Porém, é o desejo de qualquer mortal, no entanto, o mortal neste Plano, jamais escolheria a “eternidade” como prêmio! E um Novo Tempo, só é palpável se antes dele a “Nova História” tiver êxito, se antes for traçado um caminho novo, a partir do planejamento, monitoramento e avaliações constantes e, estas avaliações quem faz é é o povo! Por isso, ouça-o e terá o veredito dos teus feitos. Como antes, para se ter um Novo Tempo, é necessário que este “novo” seja melhor que o anterior, ou irão preferir “os velhos tempo”, ai a nostalgia às versas pode criar asas!

E como se Constrói um Novo Tempo? 

O tempo é UNO, por isso, é incabível todo e qualquer adjetivo que o anteceda: velho, novo, bom, ruim! O Tempo é o Senhor dos destinos (se é que exista), o Tempo repousa ao lado do Criador – e, Este É O Próprio Tempo! Desejas tu, recriar o Tempo? 

Retornemos nós ao Diário Oficial  189/2021 – Que deu nomeação a Srª Sorais Pereira Bizerra, como de fato, a nova Secretária de Saúde de Macaúbas, tendo ela, com seus auxiliares, a missão de também construir Uma Nova História… Que o Dono do Tempo, e que este independentemente de sua idade (novo ou velho) possa a conduzir ao Altar do Diálogo, dos Bons Ouvidos, do Melhor Ver, Sentir, Perceber, Criar, Recriar, Inovar, Desfazer, Refazer… Em fim, dar-lhe a iluminação necessária para que a sua caneta paute ações novas e melhores, ações diferentes e eficazes… E que os anais do tempo, possa dar construção a uma Nova História!  

 


Os comentários estão fechados.