Prefeitura, Defesa Civil e SAAE: Lançam campanha “Guardiões das Águas” – em Macaúbas.

Conforme nota, a Prefeitura de Macaúbas, a Defesa Civil Local e o SAAE, lançam o Programa “Guardiões das Águas”, veja nota a seguir e entenda o projeto:

                   CONSUMO DE ÁGUA AUMENTA COM O CALOR E ACENDE ALERTA.

               Com chegada da  seca e poucas chuvas, os macaubenses aumentam o consumo de água e as poucas  barragens e pequenos açudes começam a secar. Além disso, o clima quente e o calor excessivo faz com que as pessoas gastem água em maior quantidade e, muitas vezes, sem responsabilidade, comprometendo os recursos hídricos do Município de Macaúbas – BA.

             Lembrando que o Governo federal reconheceu Macaúbas, sobre situação de emergência “ ESTIAGEM SECA PROLONGADA” pela PORTARIA N°1.071 DE 23 DE ABRIL DE 2019.
No entanto, é possível adotar algumas medidas práticas no dia a dia para reduzir o consumo de água na residência. Além de contribuir com a diminuição total das despesas, gera uma economia na conta no fim do mês e contribui diretamente na sua preservação.

ECONOMIA DE ÁGUA
Economize 10 litros

  • Deixe a torneira fechada e lave frutas e legumes numa vasilha com água e vinagre;
  • Deixe a torneira fechada ao fazer barba ou enquanto escova os dentes.
  • Deixe o chuveiro fechado na hora de se ensaboar.

Economize 20 litros

  • Não deixe a torneira da pia aberta. Ensaboe primeiro toda a louça, e só então enxague tudo de uma vez;
  • Não lave a calçada com a mangueira.

*Atenção ao vaso sanitário: O vaso sanitário é responsável por até 50% do consumo da água de uma casa. Use a descarga só quando necessário e não jogue no vaso objetos que possam ser postos no lixo.

  • Teste o vaso sanitário

Jogue um pouco de pó de café dentro do vaso sanitário. Se o pó ficar no fundo do vaso, tudo bem. Se o pó não ficar parado, existe vazamento na válvula ou na caixa de descarga.

Lavagem do carro

Lavagem de carro com a mangueira resulta em um gasto de até 300 litros de água. O certo é usar balde e flanela ou estopa. Fique atento aos vazamentos!

Teste o hidrômetro

Para checar se há vazamento entre o hidrômetro e a caixa d’água, abra o registro do hidrômetro e feche a boia da caixa até interromper o fluxo de água. O hidrômetro deve ficar parado. Se nenhum ponteiro se movimentar, não tem vazamento.

Teste a caixa d’água

Para verificar se há vazamento entre a caixa e as instalações internas do imóvel, feche a boia e marque o nível de água na caixa. Feche todas as torneiras e chuveiros e não use vasos sanitários durante 1 hora. Passado esse tempo, meça o nível de água na caixa. Se houver alteração, há vazamento.


Os comentários estão fechados.