Prefeitura de Macaúbas melhora passeio público: mas não definimos se somos urbana ou “rurbana”!…

Acerca disso, há uma cultura ainda não adaptada à urbanidade!

Como parte do programa de revitalização, manutenção e acessibilidade dos passeios públicos da cidade, a Prefeitura de Macaúbas, conclui obra de construção de quase 300m de passeio na rua Castro Alves, ao lado de um importante colégio. Onde é usado constantemente pelos moradores do lugar para fazer caminhada, principalmente idosos, o que dar-lhes maior segurança “aparentemente”!….

Sapatos engraxados e calças rasgadas!…

No entanto,

Falta agora a contrapartida dos proprietários dos imóveis beneficiados que é a construção do muro, com a devida retirada da cerca de arame farpado, o que pode ocasionar acidentes pois, antes não existia passeio e com este, o fluxo de pessoas aumenta e andam bem próximo a cerca!… E acerca disso, não foi possível manter contato com seus donos!…

“Boacaúbas” urbana x Macaúbas “rurbana”… 

Como é de conhecimento e não percepção de muitos, a cidade é cercada por arames farpados por muitos lugares, há uma infinidade de lotes que deveriam ser murados e estão irregulares, segundo Lei de autoria do vereador Anderson Gumes, que prevê até multa para quem não mura e/ou não limpa seu lotes urbanos… O neologismo “rurbana”, é uma criação linguística do Prof. Ático, onde em suas conversas de “digestão cultural e comportamental” e “arrotos de indignação“, questionava sobre a identidade do burgo macaubense, se se decidira por ser uma cidade coerente, urbana, com seus equipamentos funcionando e funcionais, com agencias bancárias que funcionassem “on line” e a ausência  por isso, de caixas eletrônicos… Certa vez fez uma lista com 44 itens que na sua ótica faltavam para Macaúbas ser uma cidade de fato… Até hoje falta-nos dezenas deses itens… Imóveis no centro da cidade cercados com arame farpado é uma das amostras que somos “rurbanos” de fato...


Os comentários estão fechados.