PDD – 2018/2028: o que você quer para Macaúbas nos próximos 10 anos?

Em breve teremos audiências públicas, apareça!..

Perguntas… É o que acha que deve ser feito o Secretário de Administração do município de Macaúbas, Jackson Souza, que coordena Comissão Técnica para revisão, ampliação e reestruturação do Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano de Macaúbas.

E o que é um Plano Diretor? 

…”Seria um plano que, a partir de um diagnóstico científico da realidade física, social, econômica, política e administrativa da cidade, do município e de sua região, apresentaria um conjunto de propostas para o futuro desenvolvimento socioeconômico e futura organização espacial dos usos do solo urbano, das redes de infra-estrutura e de elementos fundamentais da estrutura urbana, para a cidade e para o município, propostas estas definidas para curto, médio e longo prazos, e aprovadas por lei municipal”. (VILLAÇA, 1999, p. 238)

Macaúbas pouco se conhece, ainda não há no município um Banco de Dados Municipais (BDM), que possa satisfazer uma pesquisa de um estudante de uma escola primária; dados, até que existem, no entanto, muitos não confiáveis, outros “soltos” por ai, espalhados desordenadamente entre diversos órgãos e esferas governamentais dos Entes que aqui têm órgãos ou sede. E se não sabemos quem somos, como iremos ter políticas públicas voltadas para o nosso desenvolvimento? Mais uma pergunta a ser respondida…

Eis uma resposta: 

O Arquivo Público Municipal; O Museu Regional; a Fundação Cultural; a Biblioteca Pública; a Casa do Prof. Ático… Entre outros ambientes culturais, de “guarda” de dados, estatísticas, informações, muitos em sua maioria esquecidos, abandonados e desvalorizados, tando pelo cidadão comum, demais instituições sociais  e  pelo Poder Público… Primeiramente, saber o que há nestes lugares de interesse público, catalogar tudo isso, abrir um espaço público, organizado e ai trilhar o caminho do “auto conhecimento”  ai sim, ter um norte para o desenvolvimento…

Crescimento X Desenvolvimento: 

É comum o ignorante de toda e qualquer classe social e até nível intelectual, confundir desenvolvimento com crescimento… Não necessariamente é preciso “crescer” fisicamente para desenvolver mas, é imprescindível “desenvolver” para crescer: social, cultural e economicamente falando!… E isso, não é fácil “enfiar” na cabeça de políticos “dinossauros” e de povos “reptilianos”. 

Se nos conhecermos, iremos nos entender e desenvolver!…

Mas, para isso é necessária a participação de todos, a revisão do Plano Diretor de Macaúbas, que foi instituído em 2007, faz este ano 10 anos e, certamente fez pouca diferença na vida cotidiana do macaubense pois, foi feito e não totalmente realizado… Que isso sirva de exemplo a não ser seguido.

Em breve haverá diversas Audiências Públicas que serão amplamente divulgadas pela Comissão Revisora, fiquem atentos, participem, construa um Novo Plano, novas ações… E contribua com novas idéias, sugestões e críticas… E cobre dos Poderes Municipais, a efetiva implantação do Plano… Fiscalizando…

 


Os comentários estão fechados.