Pássaros Silvestres: Secretaria de Meio Ambiente faz novas apreensões… Denuncie, isso liberta!

Mais uma apreensão de aves silvestres foi realizada em Macaúbas, muitas destas são frutos de DENUNCIA ANÔNIMA de quem deseja ver aves soltas por ai, e não confinadas em gaiolas… Caso seu vizinho tenha o “péssimo” habito de criar em cativeiro aves, denuncie anonimamente para as autoridades que sua identidade será preservada, ou seja nem será sabida!

Veja nota da Secretaria de Meio Ambiente sobre o assunto:

Em um trabalho contínuo de fiscalização, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente, mais uma vez, resgata uma grande quantidade de pássaros silvestres que estavam confinados em gaiolas, privados de se reproduzirem e voarem livremente, CONDENADOS A PRISÃO PERPÉTUA SEM NENHUM CRIME TER COMETIDO. Foram resgatados várias espécies nativas, cerca de 26 (vinte e seis) aves, divididos em: canários da terra, trinca ferro, papa capim, coleirinho, cabeça de lenço, bigodinho e azulão, todos recentemente capturados, ou seja, com os instintos ainda selvagens e capazes de sobreviverem na natureza.

Todas as aves foram triadas, contadas e devolvidas à liberdade, onde terão mais uma chance de se reproduzirem e perpetuarem a espécie, dando continuidade ao seu papel na natureza, fazendo a dispersão de sementes, controle de insetos, e nos alegrando com o seu maravilhoso canto que quebra o silêncio nas matas, praças e jardins do nosso município.

Mais uma vez, pedimos a população macaubense que denuncie os criadores de animais silvestres clandestinos, essa prática é criminosa. Pedimos ainda, que as pessoas que gostam de criar animais, que optem por animais de cativeiro, adquiridos por criadores credenciados, onde sejam emitidos notas fiscais e certificados de origem.

Lembrando que, todos os criadores que estavam em situação irregular, sendo que foi feita apreensão em mais de uma casa, foram devidamente notificados, compareceram a esta Secretaria de Meio Ambiente e cumpriram todos os tramites designados em Lei.”

 


Os comentários estão fechados.