Segundo o Decreto Publicado nesta segunda feira, 06 – O prefeito Amélico Costa Jr, em consenso com os demais prefeitos da Bacia do Paramirim, resolvem prorrogar o Decreto de cada município, o qual mantem os comércios fechados em medida ao controle de circulação de pessoas. Ficam abertos apenas os estabelecimentos essenciais, como os de gêneros alimentícios, medicamentos, postos de combustíveis entre outros.

Macaúbas ainda não tem nenhum caso confirmado, apenas segue 08 pessoas em isolamento domiciliar, há quem acredite que já exista casos, mas não há como atestar clinicamente, é necessário um exame laboratorial, o qual quando sair, as pessoas já estarão curadas…

Abaixo uma imagem da Rua Rui Barbosa em Macaúbas (Praça da Feira), imagem essa do perfil do comunicador Jovane Sales, mostra a contradição de fechar o comércio e as pessoas continuam circulando, não dá para entender isso…

Macaúbas (foto a partir do perfil de Jovane Sales) 06/04

No entanto, cidades como Vitória da Conquista que já tem casos confirmados, fez uma estratégia de rodízio, devido a pressão das entidades que representam o comercio, consegui junto ao prefeito abrir o comercio em forma de rodízio, media esta que poderia ser adota em Macaúbas, INDEPENDENTEMENTE  da decisão dos demais municípios da região, visto que Macaúbas é uma cidade independente e nem sempre deve agir em colegiado, exemplo maior foi no caso das policlínicas, em situação de pactuação e outros pontos.

O comércio pode abrir e tomar as medidas de proteção coletiva e individual, o que falta é mais engamento do comércio e pressão sobre o poder público local. Justifica-se isso, pelo movimento que a cidade tem, há centenas de pessoas na rua e o comércio fechado, gente indo aos bancos, casa lotéricas, mercados, que diferença faz?

Essa pandemia irá deixar mais sequelas sociais do que se imagina mas aprendizagem muito pouca, após seu controle a “selva” volta ao “normal”

Veja decreto:


                                                                   

O estudo segundo consta foi feito por Willian Guedes Menezes, formado pela UFBA, radicado em Salvador, fez um estudo preliminar sobre a disponibilidade de leitos de Unidade de Terapia Intensiva – UTI – pelo mapa “do abandono”, a nossa região é gravemente afetada com essa oferta, sendo a cidade mais próxima Guanambi, há 200km, a depender da gravidade do paciente ele não chega até lá a tempo…

Macaúbas, perdeu seu protagonismo regional, isso se deu com as novas estratégias dos últimos governos, concentrando bens e serviços do estado em centros maiores, a exemplo com a “mortalidade” das regionais, da educação e saúde, na desculpa de “enxugar” a máquina pública, eles enterram vidas e aumentam o custo de se viver!… Numa situação como esta é que se ver que o Vale do Paramirim, é na verdade o “vale da morte”, prefeitos como “baratas tontas” fossem, perdidos muitos deles em suas administrações, “tocadas à caixa” do desespero, não têm voz ativa. Nossa região é a menor do estado e é a menos favorecida em tudo, a última da fila, quando recebe as “migalhas” seja do Planalto ou de Ondina, curva-se nas urnas à 70%… E como álcool seus frutos evaporam!…

Veja o texto que rola nas redes sociais:

Os baianos sem a oferta de leitos de UTI

Fiz um mapa para demonstrar que a desigualdade é uma das grandes marcas do Brasil e alertar a população da necessidade de seguir o isolamento social. Um país com um sistema de saúde adequado já tem muita dificuldade de enfrentar uma pandemia, o que dizer do Brasil, onde os recursos estão concentrados no Sul, Sudeste e nas grandes cidades? O uso do território pelos leitos de UTI demonstra desigualdades, a carência e a inexistência de equipamentos e profissionais para a grande maioria dos municípios e Regiões de Saúdes pelo país afora. Veja o exercício que fiz para a Bahia. Por isso e por muitos outros fatores que é preciso evitar o contágio em massa da população pelo vírus. Nosso sistema de saúde está longe de oferecer os equipamentos adequados para quem precisar. Neste momento, uma das armas é o isolamento social, ficar em casa, mesmo. Neste mapa não estão os novos leitos de UTI divulgados pelo governo da Bahia. Mas eles serão distribuídos principalmente para Salvador e praticamente não combatem a desigualdade aqui anunciada.”

( Texto da página social de Willian Guedes Menezes)


“Na mão da solidariedade”, sem ultrapassar nenhum sinal vermelho, o grupo de motociclistas Rota 156, presidido pelo empresário Felix Jr. com apoio de alguns comércios de Macaúbas, da Polícia Militar, profissionais liberais e principalmente pelos associados da própria agremiação, arrecadaram fundos e foram pra pista!… Na tarde deste sábado, 04 na BA, que dá nome ao grupo, foi feita abordagem a caminhoneiros oferecendo alimentos e outros gêneros de uso básico… Segundo nota foi um gesto de solidariedade em apoio a uma categoria que se faz necessária mais que nunca neste momento de isolamento social que está passando o páis, e sendo assim, a categoria dos caminhoneiros e de todos os profissionais que viabilizam a “quarentena”  e a segurança daqueles que estão em casa. A ação deverá ser repetida em outros  dias da semana, informa a organização da Rota 156.

 


 

Avenida Flores da Cunha Macaúbas (Imagem cedida)

#ficaemcasa!… Essa recomendação nem sempre pode ser cumprida por todos, e nem pode, visto que alguns setores da sociedade são vitais para a sobrevivência de outros, no entanto – o que se ver é muita gente na rua “batendo perna” sem necessidade, e muitos destes desafiando autoridades e recomendações vitais… Na semana passa a PM teve que foi avisada através de denuncia anônima da realização de uma festinha apelidada de “Coronafest” em todo país, na comunidade de Veredinha, outra informação também da conta que tal “festinha” ocorria na comunidade rural do Peixe… Já na noite deste sábado, 04 – policiais militares da 4ª CIA de Macaúbas, em  em obediência ao Decreto estadual 19459/20 e 19554/20 realizou operação saturação Covid-19, com o objetivo de orientar a população em geral, e em especial os donos de estabelecimentos comerciais sobre a importância do isolamento social neste momento calamitoso. Foram feitas diversas abordagens em todos os bairros da cidade.

 

Guarnição da PM de Macaúbas (Imagem cedida)

Limpeza: faz necessário sempre…

Na intenção de reduzir a infecção do Novo Coronavirus, a Prefeitura de Macaúbas, iniciou nesta sexta feira, 03, desinfecção do centro da cidade e de seus equipamentos públicos, a medida também vista em outros lugares mundo a fora, contribui para reduzir as chances de contágio, no entanto, é necessário a contribuição da comunidade, se mantendo dentro de casa, e só sair em extrema necessidade.

A ação também conta com o apoio da Câmara de Vereadores, segundo o Presidente do Legislativo, Anderson Gumes, a Câmara que está com expediente interno, e assim reduzindo custos, e os valores excedentes, vem retornando aos cofres do município, o qual é destinado para a compra de luvas e ações como a desinfecção das ruas e louradores públicos.

Segundo o Prefeito Amélio Costa Jr, diz que o município através de seus colaboradores de todos os setores, vem diuturnamente trabalhando para manter a cidade com números aceitáveis, mas que tudo depende da cooperação de todos, mantendo os cuidados individuais que são extremamente importantes. Amelinho e seu equipe vem usando principalmente as redes sociais para falar diretamente com o cidadão.

(Fotos redes sociais)


O governo federal iniciará na próxima terça-feira (7) o cadastramento dos cidadãos interessados em receber o auxílio mensal de R$600, apelidado de “coronavoucher”. A medida é uma das ações implementadas para amenizar as consequências da pandemia do coronavírus. De acordo com Onyx Lorenzoni, ministro da Cidadania, os interessados poderão baixar em seus celulares um aplicativo ou acessar via web o sistema e fazer o cadastramento.

A estimativa do governo é que em no máximo 48h após o cadastramento, os cidadãos que atenderem aos requisitos, tenham ciência da resposta positiva. O serviço será coordenado pela Caixa Econômica Federal (CEF).

“Vai ser montada uma rede de proteção para quem mais precisa para que dentro de aproximadamente uma semana comecemos a identificar quem tem direito.  Identificando os elegíveis já teremos condições de começar a depositar na conta antes da Páscoa”, explicou o ministro.

Na segunda-feira (6), de acordo com o presidente da CEF, Pedro Guimarães, será disponibilizado o calendário e detalhes operacionais da medida. “Temos ampla capacidade. Estamos há semanas, desenvolvendo o App, uma serie de mecanismos para reaizar esse pagamento. Iremos, sim, contar com outros bancos”, disse o presidente. O pagamento também poderá ser feito utilizando bancos privados ou depósito identificado, com possibilidade de saque nas Casas Lotéricas.

O “coronavoucher” será disponibilizado inicialmente pelo prazo de três meses e tem como beneficiários os trabalhadores informais e famílias de baixa renda. O valor pode chegar a até R$ 1200, atendendo a até dois membros de um mesmo grupo familiar ou mulheres chefes de família.

As informações foram divulgadas na tarde desta sexta-feira (3) durante entrevista coletiva do Comitê Interministerial de Combate ao Coronavírus


A Macaubasnet tomou algumas medidas em sua estrutura física de atendimento com o objetivo de proteger a todos.
Foi colocado um suporte de vidro nas mesas do caixa e atendimento comercial a fim de evitar o contato próximo entre colaborador e cliente.
Como sendo serviço essencial à população, a MacaubasNet está aberta de segunda a sexta, de 8h às 18h, sábado de 8h às 17h e domingo das 9h às 12h, entretanto a empresa já disponibilizou meios alternativos de efetuar pagamentos.


Por isso, reforçamos o nosso pedido: se você puder, fique em casa!
Aproveite o seu tempo para ler, ver séries, estudar outro idioma, fazer uma chamada de vídeo para aquele amigo que não vê há tempos, meditar, ouvir música, malhar, etc.
Cuide de você e assim estará protegendo a todos.


 

www.magazinevoce.com.br/magazinealebran/

A Alebran, empresa constituída há mais de 20 anos, distribuidora de lingeries, cosméticos e calçados em mais de 74 cidades da Bahia, atacadista, também atua no varejo com venda de lingeries, sex shop, (nosso instagram: @loja_lefit) agora em parceria com um dos maiores portais de vendas na internet, o Magazine Luíza, através do seu programa de expansão, o Magazine Você, disponibiliza milhares de produtos, com preços justos, em até 12 sem juros e até frete grátis…

Aproveite e compre na comodidade de sua casa e pague em até 12x sem juros… é só acessar o link: www.magazinevoce.com.br/magazinealebran/

Os produtos serão enviados pelo Magazine Luíza, na verdade, este portal “magazinealebran” é apenas um canal mais fácil de você chegar até a maior rede de lojas do Brasil… Aproveite!

em caso de dúvidas pode manter contato pelo zap (77) 99955-7958 (Alécio Brandão) ou através do e-mail: [email protected]

Clique aqui: magazinealebran