Segundo nota do Portal O Eco, “Apesar de alegar outros motivos, demonstrando insensibilidade com as famílias dos servidores, a Prefeitura de Tanque Novo anulou administrativamente o Concurso Público 001/2015, exonerando de uma só vez 168 servidores, o que gerou imediato impacto não somente na continuidade de serviços essenciais, como no seio de familiares e consequentemente na economia do pequeno município de 17 mil habitantes. A publicação oficial foi divulgada na última sexta-feira e tem provocado reações dos moradores.

Vale ressaltar que o concurso em questão, já havia sido suspenso anteriormente, tendo a decisão revogada pelo TJ-Ba em dezembro de 2017, que permitiu que os concursados reassumissem suas funções. Em contrariedade a tal decisão, o prefeito de Tanque Novo deu seu parecer administrativo, que de forma autoritária, postura digna da época dos Coronéis, anulou o certame baseando-se num relatório feito por uma comissão criada na atual gestão.”

Veja matéria completa clicando no link TANQUE NOVO: Prefeito Anula concurso, demite 168 e provoca REVOLTA de servidores

A redação do blog não consegui manter contato com a Prefeitura de Tanque novo, no entanto espaço fica aberto para interessados, através do e-mail: [email protected]


Último endereço: Rua Dr. Manoel Vitorino…

Informações preliminares dão conta que a agência da Receita Federal de Macaúbas, a qual atende mais de 10 municípios da região deverá ser fecha e seus processos repassados para a cidade de Brumado, sede da jurisdição regional.

Em 2011, houve também pressão para seu fechamento, informações da época apontavam falta de servidor, o problema foi sanado com a nomeação de uma servidora de carreira. Já em 2016, após dada como certa o seu fechamento, por razões não divulgadas oficialmente, mas falava-se também carência de funcionários e redução de custos…. Intervenções políticas, entre elas a concessão de espaço, agregando a Receita nas dependências da Secretaria da Educação, prédio cedido ao município pelo Tribunal de Justiça, onde funciona a Comarca Local… Consegui-se até o momento manter o órgão em Macaúbas.

Desta vez parece ser uma decisão sem volta, a previsão de seu fechamento é para agosto ou setembro deste ano.

Em breve retornaremos com informações complementares e a repercussão no meio político, órgãos da administração pública, do Executivo, Legislativo,  posição da Associação Comercial, Escritórios de Contabilidade e a comunidade que será negativamente impactada.


Ajustes…

Em encontro ocorrido na última semana na Sede da CAR em Salvador com o Sr Gilvan Jardim, engenheiro; Gilmar Bonfim, coordenador de Projetos Especiais; Joyce Roque, Gestora de convênios do município de Macaúbas e o Secretário Municipal de Agricultura, Gilberto Agustinho.

Segundo o Prefeito Amelinho, estes ajustes nos projetos são importantes, pois há anos como é o caso da Usina de Cachaça ficou parado e precisa de modernização e novos parâmetros. Informa que o município vem trabalhando para buscar novas alternativas de renda e emprego para os macaubenses.

Reunião em 2016… Com futuros cooperados da cana!

O objetivo da ida em Salvador foi para fazer alguns ajustes para execução dos seguintes projetos: Unidade de Beneficiamento de Cana de açúcar de Canatiba, o qual deverá beneficiar centenas de produtores, com a produção dos derivados da cana, em especial a cachaça e ajustes outros no Sistema PAIS e PROMER, de grande importância para o desenvolvimento do município. Informa nota.


Mapa não atualizado. Pois, Macaúbas já perdeu nos últimos anos 20% do seu território para Riacho

Após encontros de debates, se chegou a um entendimento do que seriam as prioridades para o Território de Identidade da Bacia do Paramirim. Com a Consolidação das propostas para o Plano Plurianual, que é o “norte” para elaboração dos orçamentos do Estado da Bahia. As propostas foram divididas por secretarias, veja abaixo o quadro resumo:

Origem /Fonte Consolidada SEPLAN (SPE/SPO/SMA/DPT)*      Secretaria
PGP Realizar visitas constantes aos Territórios e municípios do Mutirão da Cidadania, com oferta itinerante de serviços públicos, sociais, culturais, recreativos etc aos usuários do CadÚnico e do Sistema Único de Assistência Social – SUAS, integrando diversas secretarias de estado (a exemplo das SECULT, SEC, SSP e SJDHDS) e outras ações do Sistema de Justiça, através do Ministério Público e da Defensoria Pública.          SJDHDS
ESCUTA Ampliar a implantação de Centro de Atenção Psicossocial – CAPS – AD3 no Território Bacia do Paramirim.         SESAB,           SJDHDS
PTDS Fortalecer as cadeias produtivas das raízes, horticultura, apicultura, bovinocultura, fruticultura, cana, ovinocaprinocultura, avicultura caipira, suínoculturas através de programas e incentivos voltados para pequenos e médios agricultores.

SDR,

SEAGRI

PTDS Apoiar a implantação de sistemas produtivos com foco na geração de trabalho e renda e agroecologia, fortalecendo os empreendimentos solidários em rede, entre os municípios do território.

 SDR,

SETRE

PTDS Qualificar profissionais que atuam na prestação de serviços turísticos. SETUR, SETRE
PDI Instalar agroindústrias para a produção local. SEAGRI, SDR
PTDS Promover e ampliar a assistência técnica, com foco na agroecologia, agricultura familiar, mulheres, jovens e comunidades tradicionais. SDR
PTDS Estimular o beneficiamento da produção da agricultura familiar, com a implantação de agroindústrias, acesso ao crédito, capacitação de operações processuais, Assistência Técnica e Extensão Rural – ATER, Cadastro Ambiental Rural – CAR, Cadastro Estadual Florestal de Imóveis Rurais – CEFIR e inclusão em programas transvessais. SDR, SEAGRI, SEMA
ESCUTA Estruturar a Assistência Técnica Oficial do Estado no Território através da BAHIATER, para atendimento da Agricultura Familiar Agroecológica. SDR
PGP Qualificar e ampliar a certificação de produtos da agricultura familiar. SDR
PPA Apoiar a revisão e conclusão das obras de saneamento básico do Paramirim, Caturama, Macaúbas, Érico Cardoso, Ibipitanga, Boquira, Botuporã, Rio do Pires.

SIHS,

SEDUR

PDI Implantar um Campus da UNEB no território. SEC
PGP Ofertar Escolas Culturais e estruturar as já existentes: visam envolver os estudantes de Ensino Médio da rede estadual na produção e disseminação da arte e cultura em articulação com a comunidade a partir da promoção de ações artístico-culturais e do uso das salas de cinema das unidades escolares.

SECULT,

SEC,

SJDHDS

ESCUTA Melhorar a infraestrutura da Escola Família Agrícola – EFA, para o atendimento dos alunos do sistema de ensino em regime de alternância com reforma de dormitórios, banheiros, sala de aulas nas escolas do território. SEC
PGP Ofertar Fábrica – Escola de processamento de produtos minerais: espaços de formação coletiva escola-comunidade-empresa, prestação de serviços, pré-incubação, incubação e aceleração de empreendimentos, e a produção de tecnologias sociais, que se associam aos ativos territoriais e ao perfil econômico estabelecido como base para a criação e fortalecimento do potencial de inovação local

SEC,

SECTI

ESCUTA

Ampliar a estrutura do Centro Territorial de Educação Profissional – CETEP  da Bacia do Paramirim, garantindo sua ação em todo o território, como forma privilegiada de se gerar mão de obra especializada para atender às demandas que se impõem na área de serviços, de cultura, de gestão e negócios: construção de espaços, disponibilização de automóvel que garanta sua presença administrativa e pedagógica no território, com a construção de um refeitório, auditório, biblioteca, laboratório.

               SEC
PGP Elaborar projetos e estudos complementares da Barragem do Rio da Caixa (Rio do Pires), que integra o Projeto de Segurança Hídrica do Vale do Paramirim, como reforço a Adutora  Zabumbão/Boquira.

SIHS,

SEMA

ESCUTA Ampliar e disponibilizar recursos para financimento da proteção de Áreas de Preservação Permanente – APP, matas ciliares dos leitos de rios, nascentes e corpos de águas do Território Bacia do Paramirim.              SEMA
PPA Construir e recuperar pequenas e médias barragens, para abastecimento humano, produção agrícola e pecuária.

SIHS,

SEMA

PTDS Promover a economia no uso da água com o uso de técnicas modernas de irrigação e buscar  eficiência na  fiscalização ambiental. SIHS, SEMA, SDR, SEAGRI
PGP Implantar a Adutora Zambubão/Boquira – integra o Projeto de Segurança Hídrica do Vale do Paramirim, com extensão de 150 km e beneficiará 39,6 mil habitantes dos municípios de Boquira, Botuporã, Caturama, Ibipitanga, Macaúbas, Paramirim, Rio do Pires e Tanque Novo. SIHS
PTDS Implantar a delegacia da mulher e a Ronda Maria da Penha para atender as demandas territoriais.                SSP
PGP Apoiar as ações das mulheres e jovens rurais e ofertar assistência técnica para qualificar a produção, a agroindústria, o artesanato e outras atividades produtivas. SPM, SDR, SETRE
ESCUTA Implantar uma Policlínica no Território Bacia do Paramirim.           SESAB
PTDS Ampliar leitos hospitalares equipados com apoio diagnóstico e reestruturar os hospitais de pequeno porte.            SESAB
PPA Ampliar a oferta de serviços de saúde de média e alta complexidade com leitos de UTI.            SESAB
ESCUTA Implantar o centro de hemodiálise no Território Bacia do Paramirim.            SESAB
ESCUTA Implantar o sistema de recolhimento e cuidados para animais abandonados. SEMA,  SESAB
PGP Criar a Coordenação Estadual de Repressão aos Crimes de Discriminação Racial, Intolerância  Religiosa, Orientação Sexual e de Proteção à Pessoa com Deficiência que atuará no campo da promoção dos direitos humanos, visando atender a uma demanda dos grupos vulneráveis que, além de sofrerem com o preconceito, por vezes encontram dificuldades no acesso aos serviços púbicos. SSP, SJDHDS, SEPROMI
PTDS Fortalecer e integrar as políticas socioassistenciais e socioeducativas para implementação das medidas preventivas.

SSP,

SJDHDS

 

Clique no link a seguir e veja a proposta na íntegra: (CLIQUE AQUI) 

Legenda:

* SPE – Superintendência de Planejamento Estratégico
* SPO – Superintendência de Orçamento Público
* SMA – Superintendência de Monitoramento e Avaliação
* DPT – Diretoria de Planejamento Territorial

O projeto Câmara Mirim deverá mudar m a realidade de muitas crianças e jovens em Macaúbas. Ele foi desenvolvido com o objetivo geral de promover a integração entre a Câmara Municipal, a sociedade e a escola, permitindo ao estudante compreender o papel desempenhado pelo Poder Legislativo. Está sendo implantado pela Câmara através do presidente Anderson Gumes, com a cooperação de diretores de escolas. As crianças que participam devem desenvolver projetos de melhorias na cidade e em especial em suas escolas…

Anderson diz que o  programa acontece em dois momentos. Primeiro, são desenvolvidas discussões e reflexões sobre o Poder Legislativo nas escolas públicas, através de palestras e debates. Além disso, os alunos têm a oportunidade de visitar o Paço Municipal e também elaborar questões e opinar sobre os projetos que estão em tramitação na Câmara sugerindo melhorias.

O segundo momento do programa se direciona para a eleição dos vereadores mirins, e o acompanhamento do exercício de seus mandatos parlamentares. São programadas, nesse período, tarefas que possibilitam aos alunos expressarem pensamentos e reflexões, como também desenvolverem a criatividade. Em seguida, a escola elege o seu representante e a partir daí os vereadores mirins têm a oportunidade de levantar dados sobre o bairro onde a escola está localizada, formular questionamentos, denúncias ou reivindicações que possam ser transformadas em projetos de lei na Câmara Municipal de Macaúbas

Segundo Anderson Gumes, ressalta que “o projeto tem muita importância, pois possibilita às crianças terem conhecimento e vivenciarem o trabalho do legislativo. Assim como representantes das classes estudantis, dos jovens e da sociedade como um todo, os vereadores mirins podem agir em defesa dos direitos e cumprimentos dos deveres civis, tendo a capacidade de ajudar na solução de problemas sociais e profissionais, portanto, exercer a cidadania”.

O projeto Câmara Mirim, além de proporcionar a participação das crianças na sociedade, também incentiva a união, dedicação e a convivência em grupo. O mandato dos vereadores Mirins dura 12 meses.

(Texto a partir de notas e pesquisa no google)


Apuração dos votos pela equipe da Câmara

Contrariando a média nacional de representatividade no mundo da política, em Macaúbas, um exemplo do “tal” do Empoderamento Feminino é uma realidade. corroborando com a tese  de que o sexo feminino atinge sua maturidade mais rápida que o masculino… Tai – o valor do “Y” a mais!

E mais, as primeiras 5 colocadas foram meninas e a mais votada com 515 votos, foi uma menina… Espera-se que isso reflita em outros setores da sociedade macaubense e serva de exemplo da as mais de 25 mil mulheres e mais de 15 mil eleitoras do município…

O projeto da Câmara Mirim, que este engavetado por anos, foi recriado pelo vereador Anderson Gumes, o qual teve apoio incondicional da Coordenadora Roberta Barros e sua equipe de colaboradores, funcionárias e funcionários do Legislativo Municipal.. Penas é que nem todos os vereadores tiveram ativa participação no projeto!

Conheça agora a lista completa do resultado final e os 09 eleitos que em breve devem tomar posse e iniciar em Macaúbas uma nova história de sua política…

RESULTADO FINAL DA ELEIÇÃO “CÂMARA MIRIM”
👉 1° Lugar – NAIRA GABRIELLA NASCIMENTO SOUSA – 515 Votos. (Eleita)
Aluna do Colégio Municipal Selma Nunes – Sede.
👉 2° Lugar – FABIANA OLIVEIRA ROCHA – 288 Votos. (Eleita)
Aluna do Colégio Municipal Padre Durval Soares de Sales – Sede.
👉 3° Lugar – MÁRCIA SOUSA SANTOS – 162 Votos. (Eleita)
Aluna do Colégio Municipal Lagoa do Mauricio.
 👉 4° Lugar – ANA LUISA FIGUEIREDO SILVA – 152 Votos. (Eleita)
Aluna do Colégio Municipal de Acude.
 👉5° Lugar – TUANE FIGUEIREDO SILVA – 143 Votos. (Eleita) 
Aluna do Colégio Municipal de Carrapato.
👉 6° Lugar – KAUÊ RAMON DE JESUS SILVA – 131 Votos. (Eleito)
Aluno do Colégio Municipal Jose Rodrigues Silva – Contendas.
👉 7° Lugar – FRANCIELE SILVA LEÃO – 119 Votos. (Eleita)
Aluna do Colégio Municipal Leobino Barbosa de Oliveira – Canto.
👉 8° Lugar – JAQUELINE SOUZA DOS SANTOS – 113 Votos. (Eleita)
Aluna do Colégio Municipal de Maria da Silva.
👉 9° Lugar – JOÃO VICTOR B. ANJOS DA SILVA – 99 Votos. (Eleito) 
Aluno do Colégio Municipal Joaquim Marques – Veredinha.
👉10° Lugar – KAIKY NONATO QUEIROZ SOUSA – 89 Votos.
Aluno do Colégio Municipal Professora Maria Rodrigues da Silva – Canatiba.
👉 11° Lugar – ROSA CLARA CARDOSO SOUZA – 88 Votos.
Aluna do Colégio Municipal de São Joaquim.
 👉 12° Lugar – VITORIA NASCIMENTO SANTANA – 83 Votos.
Aluna do Colégio Municipal Laudelino Batista Nobre – Lagoa Clara.
👉 13° Lugar – VIVIANE KELLY COSTA SANTOS – 81 Votos.
Aluna do Colégio Municipal Miguel Antonio Pereira – Várzea Verde.
👉 14° Lugar – LUCAS OLIVEIRA MEIRA – 75 Votos.
Aluno do Colégio Municipal Jose dos Santos Meira – Santa Terezinha.
👉 15° Lugar – CARLOS JUNIO DO REGO OLIVEIRA – 71 Votos.
Aluno do Colégio Municipal do Pajeú.
👉 16° Lugar – VITORIA CAROLINE VIEIRA SILVA – 66 Votos.
Aluna do Colégio Municipal de Curralinho.
👉 17° Lugar – EDMAR OLIVEIRA LELIS COSTA – 58 Votos.
Aluno do Colégio Municipal Anísia Maria dos Santos – Catulés.


Voto = Responsabilidade… E a cidadania começa na escola também!…

31 unidades escolares da rede municipal de ensino de Macaúbas, participam do Projeto Câmara Mirim, idealizado, formado e realizado pela Câmara de Vereadores, com apoio da Secretaria da Educação através de seus diretores, professores e colaboradores. O projeto visa integrar os estudantes da rede pública municipal à vida política e administrativa do município, dando uma nova visão sobre a “Política”, como “arte”, “ciência” da cidadania e da democracia…

Roberta Barros Coordenadora do Projeto entrega urna lacrada

Segundo o Presidente do Legislativo Anderson Gumes e a Coordenadora do Projeto Roberta Barros, há uma mobilização de mais de 5 mil alunos, com 17 candidatos, em todo território, tendo eleições em 31 colégios, destes 04 da sede e 28 da zona rural. (um dos colégios têm um anexo)

Alunos empolgados em participar do processo que fortalece a Democracia: o voto consciente

Amelinho recebe Rui que seguirá para Boquira

Na manhã desta segunda feira, 08 – o Governador da Bahia, Rui Costa, presidente da Assembleia Nelson Leal, o secretário Sergio Brito, autoridades outras que compõem a comitiva foi recepcionados pelo prefeito de Macaúbas, Amélio Costa Jr e pelo Prefeito de Boquira, Luciano, também presentes alguns prefeitos da região, vereadores e lideranças. Rui segue para a cidade vizinha de Boquira, há 30km de Macaúbas, pela BA 156, onde participará da inauguração do Hospital Municipal, o antigo hospital da mineração, o qual foi doado para o município, passou por uma grande reforma e ampliação, recebendo novos equipamentos, modernizando e ampliando também o seu corpo administrativo e técnico.

O Prefeito da Boquira Luciano da Farmácia (PSB), tem agora o desafio de manter suas portas abertas, devendo ter também apoio do Estado para isso.

Segundo Amelinho em conversa com a redação do Blog, disse que irá aproveitar a visita do governador Rui, para reforçar os pedidos já feitos, como o apoio para manutenção da UPA, a qual atende toda região e não vem recebendo contrapartida, disse que a carga é pesada para o município… Amelinho também pedirá a Rui, mais investimentos em saneamento básico, água e infraestrutura. Finaliza Amelinho.