Estudo aponta que percepção negativa do país piorou com a leitura de um “Governo irresponsável” na pandemia e na proteção à Amazônia. Investidores adiam decisões de aplicações no país para 2022 e empresários brasileiros pressionam presidente
Grafite com o rosto de Bolsonaro em muro do Rio de Janeiro, em 12 de julho.MAURO PIMENTEL / AFP

 

Segundo nota publicada no portal El Pais,  a notícia de que o presidente Jair Bolsonaro contraiu a covid-19 deu a volta ao mundo, repercutindo nos principais veículos internacionais, que ressaltaram o histórico de declarações negacionistas do presidente brasileiro sobre a pandemia do coronavírus. Desde o início da crise sanitária, a cobertura sobre o comportamento de Bolsonaro, que defende que há um alarmismo sobre a pandemia e que o coronavírus é uma “gripezinha”, tem ganhado mais espaço no noticiário internacional e acelerado um desgaste da imagem do Brasil no exterior, segundo um estudo da consultoria Curado & associados.

O levantamento, que analisou as publicações de sete veículos internacionais de diferentes linhas editoriais, mostrou que essa percepção negativa do país piorou do primeiro trimestre para o segundo, e mostra uma “crise ética e de falência de gestão” do Governo. O tema da pandemia foi responsável por 68% do total da cobertura negativa no segundo trimestre, seguido pela cobertura da demissão do ex-ministro de Justiça Sergio Moro (10%) e da devastação da Amazônia (8%). O estudo mostra que a cobertura da gestão brasileira da covid-19 pela imprensa internacional cresceu 146% no segundo trimestre.


Através de nota à redação do blog, o Psol de Macaúbas, através de convenção faz indicações de nomes para compor sua chapa das próximas eleições municipais. Veja nota>

...”Em reunião virtual realizada no dia 13/06/2020, os filiados do PSOL Macaúbas indicaram, por unanimidade, o lançamento das pré-candidaturas dos advogados Elismar Oliveira e Tiago Lima, a prefeito e vice, respectivamente.

A indicação de pré-candidatos ao executivo municipal nasce da necessidade de construir uma alternativa à velha e desgastada política macaubense. A disputa eleitoral em nosso Município está marcada há mais de 60 anos por uma falsa polarização. Dois grupos se revezam no poder para desempenhar o mesmo papel, com sucessivos governos que ao longo do tempo vem atrasando o desenvolvimento de Macaúbas.

O atual momento de grave crise de saúde pública reforça a importância de edificar um novo projeto político para o nosso Município, sobre outras bases e capaz de atender às reais demandas dos macaubenses nas mais diversas áreas: saúde, educação, agricultura, infraestrutura rural e urbana, saneamento básico, cultura, assistência social etc.

No decorrer das próximas semanas, apresentaremos também à comunidade macaubense os/as nossos/as pré-candidatos/as a vereadores/as. Para superarmos o atraso da velha política é fundamental uma ampla renovação na inoperante Câmara Municipal, com nomes representativos e aptos a desempenhar as importantes funções do legislativo.

É chegada a hora da mudança!

PSOL Macaúbas”…


Salários poderá sair com atraso , diz nota.

A demora de 20 dias para o presidente Jair Bolsonaro sancionar o projeto que repassa R$ 60 bilhões da União para Estados e municípios enfrentarem a crise do coronavírus pode fazer com que servidores não recebam o salário de maio.

Segundo a Coluna do Estadão, do jornal Estado de S.Paulo, entidades municipalistas estão preocupadas com o pagamento do salário de servidores em maio.

Muitos municípios já não têm dinheiro para fazer os pagamentos, devido à queda de arrecadação provocada pela Covid-19, e dependem da verba federal.

De acordo com o presidente da Confederação Nacional dos Municípios, Glademir Aroldi, o Ministério da Economia informou que o dinheiro pode demorar até sete dias, a partir da sanção, para chegar aos cofres municipais. Ou seja, os salários correm o risco de ficar para depois do quinto dia útil de junho.

(Fonte Bahia Notícias)


Depois da religião, o povo se “apaixona” por política !

Apesar do favoritismo da Unidão das Prefeituras da Bahia, a decisão final certamente é responsabilidade de órgãos de jurisdição federal, como o Superior Tribunal Eleitoral e por último do Supremo, no entanto, já é um movimento que nos direciona para uma discussão sobre o tema… Com isso, é um passo importante para unificar as eleições no Brasil, pois é irracional um “pobre país” como o nosso ter a cada dois anos um pleito eleitoral que derrama bilhões de Reais, regados à corrupção e mal uso desta ferramenta que sustenta a maior democracia da Amélica Latina…

As eleições gerais, irão economizar mais de 2 bilhões de reais aos cofres públicos, recursos estes que poderiam ser investido prioritariamente na edução, em especial das crianças e jovens!…

Em Macaúbas, a política doméstica que foi paralisada, como em todo Brasil, devido a pandemia, por enquanto dois pre candidatos devem pleitear o posto do Executivo, o da oposição, foi apresentado o empresário Aloysio Rebonato e o prefeito Amelinho pleiteia sua reeleição.

Veja a seguir nota do Bahia Notícias a respeito:

 

“A União dos Municípios da Bahia (UPB) vai realizar uma reunião nesta sexta-feira (22) para debater o impacto do novo coronavírus (Covid-19) no processo eleitoral que está previsto para esse ano. Em contato com o presidente da UPB e prefeito de Bom Jesus da Lapa, Eures Ribeiro, o Bahia Notícias questionou o posicionamento da entidade, que argumentou ser favorável ao cancelamento do pleito neste ano e a prorrogação do mandatos dos gestores municipais até 2022 em razão da pandemia.

Defendida pela UPB, a proposta sugere que as próximas eleições presidenciais aglutinem também a disputa eleitoral pelo Legislativo e o Executivo dos municípios brasileiros. Segundo o Eures, é “impossível ter eleições este ano”.

A proposição da União de Municípios da Bahia está alinhada, alegou o presidente, ao posicionamento da Confederação Nacional de Municípios (CNM), que agora se articula para a sensibilização do Senado para a aprovação de uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC), de autoria do senador Wellington Fagundes. 

“A CNM liderou um movimento que as entidades acompanham: trabalhar os senadores na apresentação de uma PEC nessa direção”, disse, opinando que não vê como o pleito poderia acontecer ainda em 2020. A proposta em questão já conta com 23 assinaturas e faltam apenas quatro para começar a tramitar. 

O debate será por videoconferência e está marcado para a tarde desta sexta-feira. Para a reunião, foram convidados os advogados Tiago Ayres, especialista nas áreas pública e eleitoral, e Carlos Medrado, especialista em Direito Público, membro da Comissão de Direito Eleitoral da Ordem dos Advogados do Brasil seção Bahia (OAB-BA) e da ABRADEP. Eles serão mediados pelo coordenador interino do Jurídico da UPB, Lucas Mollicone.”

Por Bruno Leite (Bahia Notícias)


Prefeito fala das mudanças do novo decreto

Através de um vídeo nas redes sociais, o prefeito de Macaúbas, Amélio Costa Jr, explica a decisão tomadas através do Decreto 047/2020, publicado nesta segunda feira, 13… Segundo o prefeito após consulta e observação dos parâmetros da Covid-19, e em consenso com os prefeitos do Consórcio Intermunicipal do Vale do Paramirim, tomaram a decisão de flexibilizar a abertura de alguns setores do comércio na região, observando as recomendações de segurança sanitária destes, além disso, segundo Amelinho, as fiscalizações com a presença dos agendes da Prefeitura aumentou, em vídeo diz de sua preocupação com as agencias bancárias e seus correspondentes, que o aumento de pessoas em filas tem aumentado de forma a preocupar e por em risco todo o trabalho desenvolvido na contenção da pandemia.

Além das orientações dos fiscais da prefeitura em visita aos estabelecimentos comerciais, a prefeitura em parceria com a ACIMAC, desenvolveu um documento onde o empresário se compromete a seguir orientações de cuidados dentro da loja, como a limitação de clientes, por a disposição álcool em gel, uso de mascaras entre outras iniciativas. A Prefeitura também está doando mascaras de tecido para os estabelecimentos, além da desinfecção de ruas e logradores públicos.

Clique no link a seguir e veja o decreto em sua íntegra:

DECRETO MUNICIPAL PUBLICADO NESTA SEGUNDA-FEIRA, 13/04 ESTABELECE NOVAS MEDIDAS TEMPORÁRIAS DE PREVENÇÃO AO CONTÁGIO DO COVID-19


Conforme nota do portal Malhada Acontece, o prefeito da cidade de Dom Basílio, Roberval Cássia Meira (PL), o vice, Fernando Silva Santos (PPS), secretários e vereadores municipais, anunciaram a doção de 50% dos valores de seus salários no período de três meses para o combate a pandemia do Covid-19, o novo coronavírus. Segundo apurou o site Achei Sudoeste, os valores serão destinados para a compra de equipamentos para o Hospital Municipal e álcool gel para a população local. Até o momento, o município de Dom Basílio possui 7 casos suspeitos, 204 em monitoramento, 1 aguardando resultado, nenhum confirmado e nenhum descartado. A prefeitura da cidade já anunciou que manterá os decretos de isolamento social, barreiras sanitárias e fechamento do comércio devido ao resultado positivo na proliferação do vírus. //Achei Sudoeste


Conforme nota da Prefeitura de Macaúbas vem trabalhando firme com o propósito de cuidar dos interesses da população macaubense, são várias obras, algumas em execução, outras sendo retomadas e algumas em processo licitatório.

É notável o avanço na economia do Município de Macaúbas nos últimos anos, consideramos que obra parada limita o desenvolvimento econômico e social.

A Gestão Municipal através do Prefeito Amélio Costa Jr. assumiu o compromisso de retomar todas de obras paralisadas e concluí-las. Hoje há inúmeras obras retomadas, e outras inauguradas servindo a população conforme sua finalidade. No início deste mês de março mais uma obra foi retomada e terá sua conclusão definitiva em breve, a Construção da Praça de Esportes (Praça da Juventude) sede do Município, obra licitada com recursos da Caixa Econômica Federal e da Prefeitura Municipal de Macaúbas.

Outras obras foram retomadas com o empenho da Gestão Municipal através de recursos da Caixa Econômica Federal. Veja abaixo:

  • 1- Retomada da construção da Feira Livre;
  • 2- Praça da Juventude sede do Município;
  • 3- Construção da Quadra de Contendas já licitada,
  • 4- Lagoa Clara e Veredinha em fase de início das obras.
  • 5- Retomada da obra do Centro de Artesanato

Obras retomadas e algumas já concluídas através de convênios FNDE:

  • 6- Construção de Quadra escolar em Veredinha;
  • 7- Cobertura de Quadras poliesportivas em escolas do Canto;
  • 8- Cobertura de Quadras poliesportivas em escolas do Catolés;
  • 9- Creche Santa Terezinha;
  • 10-Creche na Sede do Município;
  • 11-Construção de Escola de 06 salas espaço urbano II.

Presidente do Legislativo em sua rotina de visitas

Uma das rotinas do vereador Anderson Gumes além de fazer expediente em seu gabinete na Câmara de Vereadores, é suas “andanças” pelo município, a exemplo desta última terça feira, 18, onde visitou a comunidade de Catulés, e numa reunião no colégio municipal, acompanhado do Secretário de Administração Jakson Souza, onde foi discutida com a comunidade a reforma do colégio local entre outros assuntos de interesse da comunidade.

Segundo Anderson em sua rede social comenta: …Priorizar a participação popular visando uma gestão democrática, com geração de benefícios e resultados diretos para a população, sempre foi a sua postura. E talvez por isso, nossas discussões sempre trouxeram resultados positivos, como o encontro de hoje. Todos participaram, deram suas opiniões, sugestões e fizeram suas cobranças. E também, demonstraram muito entusiasmo ao saber que em breve, um espaço mais amplo para professores e alunos de Catulés, será construído”... Finaliza o vereador
.