Na verdade é possível que os 31  contaminados informados nesta terça feira, 23, não chegue a metade  de todos os casos dos municípios da Bacia do Paramirim que tem uma população superior a 250 mil habitantes… O que estamos fazendo ou deixando de fazer para que possamos “ser campeão” em transmissibilidade desta terrível infecção viral?

O boletim divulgado no crepúsculo desta terça feira, informa que já temos 155 casos ativos, 08 internados, sendo 02 na UTI e mais, há informações que muitos destes contaminados não estão seguindo a orientação da Secretaria de Saúde de “ficar em casa”, pois alerta já foi criado pela própria Secretaria da Saúde em suas redes sociais… Até na própria “nota informativa” que antes trazia:  “…Que apresentam sintomas leves e se encontram em isolamento domiciliar” não é mais “repedida” nos últimos boletins, OU SEJA, não temos certeza que os contaminados “guardam” ISOLAMENTO domiciliar, o que pode ser uma das explicações da alta taxa de contaminação… Caso a ser levado a sério pelo Ministério Público local.

Subnotificação: 

Há estudos sobre os casos de subnotificação, sendo que para cada caso confirmado há outros 14 subnotificados (que não chegam aos registro oficiais, informa o Portal Saúde Abril), se assim for, Macaúbas poderia ter na verdade 2.170 casos  (Veja aqui).  o que também pode ser um outro alerta do grande aumento de casos, ou seja, não estamos fazendo o número de testes que deveríamos fazer e isso acontece a nível Brasil.

Até o fechamento deste “post”, a Prefeitura de Macaúbas ainda não tinha editado e publicado o novo decreto que traria novas medidas e posturas para o enfrentamento do crescente numero de casos da Covid-19. Numa reunião realizada ontem, a volta da barreira sanitária foi descartada, alegando alguns que não tem eficácia, no entanto, uma única ação não irá “reduzir” os casos consideravelmente – e sim, a soma de diversas ações: barreira sanitária + desinfecção de logradouros públicos + campanha educativa + alertas em carro de som e FM + distribuição de mascaras + orientação em filas + fiscalização em bares e outros estabelecimentos =  redução de casos.

Quem são os infectados: 

Outro fator importante é saber quem são estes 155 infectados… Quantos destes são jovens, qual é a faixa etária deste grupo, onde moram, em que trabalham, se viajaram  e para onde… Tendo estes dados formatados, passa a agir sobre estes grupos, direcionar ações que possam minimizar a transmissão, conhecendo o fato e as razões de seus contágios! Ou seja, fazer o “diagnóstico”, conhecer a “doença” para aplicar o tratamento (remédio) mais eficaz: isso é primário na medicina preventiva ou curativa.

Veja abaixo nota informativa do boletim de hoje e o alerta sobre a suspeita de pessoas contaminadas perambulando por ai. (extraídos do Facebook da prefeitura de Macaúbas) 


Macaúbas como toda Bahia, passa pelo seu pior momento da pandemia, pelo menos,

os casos positivos apresentam sintomas leves. 

Divulgado agora a pouco o Boletim Diário que monitora a situação da evolução dos casos de Covid-19 em Macaúbas, nesta quinta feira, 18, a Secretaria de Saúde anuncia 20 novos casos, somando assim um total de 670 casos oficialmente identificados pelo sistema de saúde do município. Ainda temos 48 aguardando resultado, temos ai a maior média desde do início da pandemia, como ocorre em todo Brasil. Já a Bahia que está próximo do colapso das suas unidades de saúde nos grandes centros, tem unidades hospitalares que está com 100% dos leitos para UTI ocupados, o que é preocupante.

As medidas tomadas pela Prefeitura de Macaúbas, através de decreto, devem se somar com a do Governo do Estado, que decretou “toque de recolher” a partir desta sexta feira, no entanto, é o “hábito” do cidadão que dará o “tom aos números”, sem a consciência da massa, não há medida governamental que possa efetivamente frear o contágio sem o comprometimento da “roda” financeira, pois, a “roda” da vida, essa ai parece que cada um deve cuidar da sua!


Ação inédita na gestão municipal, a Prefeitura de Macaúbas, realiza licitação pública entre as instituições financeiras e consegui arrecadar R$ 1,6 milhões, pela “venda” ou cessão da Folha de Pagamento dos servidores públicos municipais. O Bradesco foi a ganhadora da licitação ofertando o maior valor.  Antes a folha era rateada entre as três instituições financeiras hoje presente no município e nada era arrecadado pelos cofres públicos. Veja a publicação no Diário Oficial de Macaúbas, (CLIQUE AQUI E VEJA O DIÁRIO

Em boa hora…

Essa é a maior captação de recursos próprio obtido pelo município de Macaúbas, desde sua criação em 1832, ultrapassando em dezenas de vezes o que se arrecada com IPTU, bem como com as taxas, alvarás e ISS, ou seja, a atual gestão arrecadou em apenas 40 dias de governo o que nunca foi arrecadado em 189 anos de gestão pública, numa única ação.

Benefícios para os Servidores: 

Além do recebimento destes recursos, todos os servidores do município terão isenção das tarifas bancárias, bem como o município, além disso, o servidor que queira fazer a portabilidade que é a mudança da conta salário para o Bradesco, terão também os mesmos benefícios, caso queria continuar com o mesmo banco, poderá fazer a transferência do valor do salário para seu banco de costume sem cobrança de tarifa ou seja, nenhum servidor do município é obrigado a ter conta na instituição vencedora da licitação.

Mais benefícios: 

O Bradesco também irá instalar um Posto de Atendimento Bancário na sede da Prefeitura, para atender exclusivamente os servidores do município, o que irá facilitar e muito a vida do servidor, sendo atendido no seu local de trabalho, sem fila e com exclusividade, informa assessoria da Prefeitura de Macaúbas.

O recurso obtido nesta operação deverá ser imediatamente depositado na conta da Prefeitura, 05 dias após a assinatura do contrato entre as partes. Com estes recursos o município pode aplicar em infraestrutura, desenvolver projetos na geração de emprego e renda, fazer investimento na saúde e projetos no agronegócio, que é uma das prioridades do Prefeito Aloisio Rebonato.

 


Sessão contou com três indicações de projetos (Foto Ascom Câmara)
A 4ª Sessão Ordinária do Primeiro Período Legislativo da Legislatura 2021-2024 da Câmara Municipal de Macaúbas foi realizada nesta quinta-feira, 11 de fevereiro de 2021, às 8h, no plenário da casa da cidadania.
O Presidente do Legislativo, Roberto Carlos Rocha fez a abertura dos trabalhos, realizou apreciação da Ata da sessão ordinária anterior e apresentou as seguintes proposições:
-INDICAÇÃO Nº 12/2021 de autoria da vereadora Márcia da Silva Benda;
-INDICAÇÃO Nº 13/2021 de autoria do vereador Roberto Cleber Oliveira Rêgo;
-INDICAÇÃO Nº 14/2021 de autoria do vereador Rosenilton Defensor Araújo (Nito).
Alguns vereadores usaram o primeiro e o segundo expediente para falarem e debaterem alguns assuntos relevantes do município.
Acompanhe às Sessões também no:

www.facebook.com/CamaraDeMacaubas
Acesse os arquivos e ouça o áudio completo no site: www.camaramacaubas.ba.gov.br

Usando as redes sociais, a Secretaria Municipal de Educação, divulga reunião entre o Ministério Público local, representado pelo promotor de Justiça Dr. Thomas Freitas do Nascimento, também estando presente o Procurador de Justiça da Prefeitura de Macaúbas, o advogado Dr. Marcelo Costa Madureira, bem como a secretária de educação a Professora Leia Oliveria, o conselheiro tutelar Ademar Oliveira Costa, a equipe de coordenação pedagógica da secretaria, a presidenta do Conselho Municipal de Educação Alzira dos Santos Leão e a representante da Macaúbas Net Rose Defensor… Nesta reunião foi discutido a possiblidade do retorno presencial das aulas da Rede Municipal de Ensino do município de Macaúbas.
Volta as aulas com segurança (Foto Ascom PMM)
A reunião foi realizada no auditório da Secretaria de Educação, nesta quarta feira, 10 – e nota é finalizada informando que: … “Após vários debates, ficou acordada a criação de um comitê envolvendo a participação de representantes da área da saúde, da educação, dos pais, do Conselho Tutelar e demais, a fim de que haja o monitoramento da demanda escolar em relação a equipamentos necessários para viabilizar o acesso às aulas remotas, bem como orientações sobre distanciamento dentro da comunidade escolar a fim de assistir aos alunos de forma segura e com qualidade.”
(Foto Ascom PMM)
 Também entre os dias 09 e 10, a Secretaria da Educação realizou reunião com os diretores de escola para discutir a volta às aulas, segundo nota, a reunião também tratou da  estruturação  e organização dos colégios para uma possível volta às aulas.
Segundo o Governador da Bahia, irá separar um lote de vacinas exclusivas para os professores e todos os profissionais ligados à educação, garantido assim, um retorno seguro para todos. Macaúbas que a cada dia ver o número de infectados aumentando, hoje contando com 43 casos ativos, nesta semana houve dia de 13 registros positivos, além de ter pessoas internadas e transferidas a busca de tratamento intensivo pelo agravamento do quadro de saúde.

Equipe de endemias em campo (Foto Ascom PMM)
Conforme nota da Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Macaúbas, através de suas redes sociais na internet, a Secretaria de Saúde, através da Vigilância Epidemiológica e equipe de Endemias, nesta semana realizou ações educativas e preventivas no distrito de Santa Terezinha, foram usados equipamentos costais para borrifar áreas com focos do mosquito Aedes Aegypti (Mosquito da Dengue), evitando assim maior proliferação da Zika, Dengue e Chikungunya.
Nota é finalizada informando os cuidados que a comunidade deve ter para evitar o acúmulo de água parada, visto que estamos na época das chuvas e a incidência de casos tende a aumentar, sendo  imprescindível manter quintais sempre limpos,  além de outros locais que possam aglomerar água e serem focos que podem tornar  criadouros do mosquito transmissor.

Conforme nota nas redes sociais da Prefeitura de Macaúbas, o curso tem como objetivo de capacitar e orientar os microempreendedores do nosso município e será ministrado por Viviane Pujol (palestrante do SEBRAE).

Esse curso é específico para as mulheres, mas não é exclusivo, homens também podem participar. Lembrando que as vagas são limitadas por conta da pandemia do Covid-19.

As inscrições podem ser feitas na Sala do Empreendedor, na rua 02 de Julho, ao lado do Colégio Cônego.

Para mais informações: (77) 9 9846 – 1859.


Após a vacinação de profissionais de educação física e outros em Macaúbas, criou-se um “bafafá” nas redes sociais e aplicativos de celular, questionando a legalidade na aplicação das doses da vacina contra Covid-19 nestes profissionais, que segundo o Conselho da categoria, eles pertencem ao grupo de prioridade e foram incluídos no Plano Nacional, veja nota abaixo. No entanto, há dentre as “prioridades” as prioridades das prioridades, se é que há algum termo que possa expressar isso. Segundo o Prof. Ático Mota, além de historiador, professor universitário, é também um “neologista” e “inventor” de palavras… A internet é o “berço” do neologismo das línguas modernas, porém, ainda não foi descoberta ou criada uma palavra que possa anteceder o vocábulo  “prioridade”,  ou seja; algo que possa expressar a “emergência” antes da “prioridade”. Vamos tentar, pegue seu “baseado” e viaje comigo:

Prioridade: esse “pri” que é o “radical” da palavra, dando-a  sua origem, que vem da palavra PRIMEIRO, o número 01 e se há algo antes do número 01, este é o 0 (zero), mas, o zero só tem valor se colocado a direita do numeral, se antes (a esquerda), faz é reduzir seu valor, ou seja, vamos “neologisar”, daremos o nome de “prioridades das prioridades” a palavra: “PRIOZERIDADE” OU “ZERIORIDADE”… Ai o caro leitor (a), decide onde colocar o “seu” ZERO, se na frente ou atrás!

Eu… Sim, Eu sou a prioridade…

É saudável o debate, e tudo é merecedor de questionamentos, seja o “serto” ou o “erado” e se tratando de coisa pública ai sim, é que devemos questionar mesmo, e mais ainda, e se estamos numa pandemia, os questionamentos devem ser as prioridades das prioridades, ou seja: vacina pouco meu braço primeiro! Ou ainda: vacina pouca meu braço “zeromeiro”.

Veja na nota publicada no site do Conselho Regional de Educação Física: 

Já estão inseridos no grupo de prioridade para receberem as doses da vacinação contra a Covid-19 todos os Profissionais de Educação Física da Bahia, assim como das demais partes do Brasil. No Plano Nacional de Imunização, lançado pelo Governo Federal por meio do Ministério da Saúde, consta que o público-alvo serão os trabalhadores da área da saúde e nele estão incluídos os Profissionais de Educação Física.

O Plano Nacional de Imunização foi elaborado em consonância com as orientações globais da Organização Pan-Americana da Saúde e da Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS). “Esse reconhecimento é fundamental para a categoria, pois ela participa ativamente dos serviços de saúde em todo o País. Como estamos atuando constantemente de forma direta com o atendimento de saúde da população, somos de fato um grupo prioritário” ressaltou o Presidente do CREF13/BA, Rogério Moura.

Segundo o Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação Contra a COVID-19, “trabalhadores dos serviços de saúde são todos aqueles que atuam em espaços e estabelecimentos de assistência e vigilância à saúde, sejam eles hospitais, clínicas, ambulatórios, laboratórios e outros locais. Desta maneira, compreende tanto os profissionais da saúde – como médicos, enfermeiros, nutricionistas, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, biólogos, biomédicos, farmacêuticos, odontologistas, fonoaudiólogos, psicólogos, serviços socais, profissionais de educação física, médicos veterinários e seus respectivos técnicos e auxiliares – quanto os trabalhadores de apoio, como recepcionistas, seguranças, pessoal da limpeza, cozinheiros e auxiliares, motoristas de ambulâncias e outros, ou seja, aqueles que trabalham nos serviços de saúde, mas que não estão prestando serviços direto de assistência à saúde das pessoas. Inclui-se, ainda, aqueles profissionais que atuam em cuidados domiciliares como os cuidadores de idosos e doulas/parteiras, bem como funcionários do sistema funerário que tenham contato com cadáveres potencialmente contaminados”.

Fonte: https://www.cref13.org.br/bahia/noticia/profissionais-de-educacao-fisica-terao-prioridade-na-vacinacao-contra-a-covid-19/

Nota: texto atualizado às 19h09min. 

O blog é um espaço aberto, interessados podem manter contato com sua redação através do e-mail: [email protected]