O Centro de Referência Especializado de Assistência Social – CREAS, situado na Rua Padre Durval Soares, nº 272, Alto do Alexandrino, informa que, a partir de hoje, conta com um NOVO canal de comunicação.

Além do telefone fixo, atualmente utilizado, (77) 3473-1469, a Unidade agora conta com o número de telefone celular e contato via WhatsApp através do número (77) 99819-7369.

O Centro de Referência Especializado de Assistência Social – CREAS oferece serviços especializados e continuados a famílias e indivíduos nas diversas situações de violação de direitos. Como unidade de referência, tem o intuito de estruturar uma rede efetiva de proteção especial, e para isso conta com o apoio do Poder Judiciário, Ministério Público, Conselho Tutelar e outras Organizações de Defesa de Direitos.

O CREAS oferta acompanhamento técnico especializado desenvolvido por uma equipe multiprofissional, de modo a aumentar a capacidade de proteção da família e favorecer a reparação da situação de violência vívida.


O projeto social Atitude esta chegando ao termino do período de arrecadação da verba para a primeira fase do projeto que é fazer a fundação do centro cultural.
Ate o momento o projeto arrecadou em torno de 12 mil reais e o objetivo é de chegar a 20 mil para dar inicio as obras.
O inicio da construção esta previsto para meados de março /abril.
Para impulsionar as doações esta sendo feito uma rifa, no valor de 5,00 (cinco reais) onde o doador terá a possibilidade de ganhar 1 ou mais dos  4 prêmios.
O sorteio sera realizado no Distrito de Lagoa Clara, no dia 12/04/2020  – Na festa da cavalgada.
Sera sorteado 4 cupons e os prêmios são:
1 Relógio Feminino Atitude
1 Relógio Masculino Atitude
1 Camiseta Atitude (o ganhador poderá escolher o tamanho)
1 Caneca Atitude
O objetivo do projeto Atitude é construir um centro cultural para as crianças e adolescentes do Distrito de Lagoa Clara – Macaúbas e arredores, beneficiando também outros municípios como Botuporã e Tanque Novo, tendo como missão desenvolver habilidades e conhecimentos e assim proporcionar oportunidades de um futuro melhor.
A primeira etapa do projeto é construir um local com mais de 300m divididos entre 1 sala de dança, 1 sala de musica, 2 salas de aulas, 1 copa e outros espaços administrativos.
Atenção: Certifique de que a pessoa que esta vendendo as rifas é um voluntario do projeto nas paginas do Facebook e instagram, somente elas estão autorizadas, se a pessoa que estiver vendendo não esta entre as pessoas das fotos entre em contato conosco!
Facebook: @atitude
Instagram: @atitudebr
A educação transforma as pessoas e faz um mundo melhor, venha fazer parte dessa transformação conosco!
Sonho que se sonha junto é REALIDADE!!!
Equipe ATITUDE!

Há mais de duas décadas Macaúbas joga merda “in natura” nos seus vales, córregos, riachos e represa d’água… Mais da metade da população “descome” e lança com ar de naturalidade as escorias “vazo abaixo”, conscientes de sua inconsciência nós somos apáticos a ideia que Saneamento Básico é Luxo, assim como há quem acha que é para sempre a fonte de água do Tinguís, água é um recurso mineral não renovável e cada vez mais escasso no planeta Terra…

No entanto, há quem ainda tem “paciência” e “amor” suficiente por esta terra, por este povo (que as vezes acho que não quer ser ajudado), no entanto, um pensamento mais profundo e “empático” dar-se para entender o “pensamento da massa” a “mentalidade” (essa que é a soma de todas as mentes)… Já dizia o Prof. Ático que o brasileiro faz parte de uma população e não chegamos ainda ao estágio de ser “povo” de ser uma Nação! Talvez por falta de “noção”… Para muitos, não é fácil entender os pensamentos do Prof, Ático, que vivia (e vive)  “além do seu tempo” e fora do nosso “território do pensamento”… Os “perturbados” (os de pensamentos confusos e indeterminados)  sempre acham que os “sóbrios” são os “loucos”!…

Voltando aos ativistas: “os sóbrios”!

Há quase dois mil dias, nasceu em Macaúbas um movimento pelo Esgoto Sanitário, até então não sabíamos que nossa “merda” corria pelas laterais da cidade… Até então, não sabíamos que ETE (não era um extra terrestre) e sim uma Estação de Tratamento de Esgoto… Até então, não sabíamos que 70% da composição do esgoto é ÁGUA… Até então, não sabíamos que SANEAMENTO BÁSICO, não é luxo e que não era impossível, e que é necessário para preservar o Meio Ambiente, as águas, suas fontes, o solo… Até então, não sabíamos que as MOSCAS, tem origem na falta de saneamento, e que a Dengue é filha do esgoto!…

Graças ao movimento destes ativistas, liberados por Kallif, Tarcísio, por você e outros, percebemos que é possível tornarmos “sóbrios” e saudáveis: corpo e mente! E quem sabe começar a construir uma Nação, iniciando pela consciência antes de puxar o cordão de sua descarga!

Precisamos de uma ETE …

Loteamento Figueiredo (Imagem cedida por leitor)

Morador do Loteamento Figueiredo, em contato com a redação do blog, solicita da Prefeitura de Macaúbas, soluções urgentes em algumas ruas do seu bairro, segundo ele, algumas estão intransitáveis após as fortes chuvas que caíram na última semana.

Veja nota do cidadão:

“Compartilha ai no seu site para ver se nossas autoridades tomam providência sobre a rua Antônio Jose de Oliveira próximo ao campo do real, não conseguimos adentrar em nossas casas devido aos buracos e a lama.
O responsável pela infraestrutura da cidade deve procurar meios para calçar estas ruas do Loteamento Figueiredo.
Ruas que não tem casas dentro da cidade já foram calçadas e nosso bairro nada de calçamento..
Só jogam terra e passam uma máquina uma vez a cada 1 ano.
Nem se que um cascalho nas principais ruas não coloca..
Desde já Agradeço a sua compreensão.”

Veja nota da Prefeitura de Macaúbas:

“Segundo um Assessor da Prefeitura de Macaúbas, o Loteamento é irregular, não tendo registro na Prefeitura, o que está criando dificuldades para execução de algumas obras, mas que está mantendo contato com o Jurídico para notificar os proprietários e poder fazer intervenções de forma legal nos logradouros, mas que mesmo assim, ações urgentes vem sendo realizadas, mas que infelizmente não resolvem o problema que é de conhecimento do Poder Público. Projeto de Pavimentação e outras infraestruturas já estão em desenvolvimento junto com as secretarias do município. A Prefeitura ainda orienta para que cidadãos, antes de comprar um lote/terreno, primeiro procurem o Setor Competente da Prefeitura. “


A Defesa Civil de Macaúbas, segundo nota registrou na quarta-feira, 22, 65mm de chuva, causando alguns transtornos na cidade. Apesar dos ventos, trovões, relâmpagos e pancadas de chuva na quarta-feira (22) não registrou nenhuma ocorrência de grandes proporções, exceto um incidente com um jovem que foi arrastado por fortes enxurrada com algumas escoriações e alguns danos materiais. Algumas ruas como na Av. Flores da Cunha, Travessa da Av. Professor Ático Mota, Av. Manuel Messias de Figueiredo (próximo a Padaria Lima), Loteamento Basto e algumas estradas vicinais ficaram danificadas por causa dos alagamentos durante a chuva. Afirma a nota que choveu em quase todo território do município, só em alguns pontos da região como: Dourados, Curral Novo, Caraíbas, Peixe, Rancharia e Riachão do Daniel a chuva não foi forte como na região de Olaria e Quati que teve aproximadamente 40 milímetro (mm) de chuva.

Vista parcial da cidade de Macaúbas. 22/01/20

A Defesa Civil de Macaúbas informa que do dia 30 de Dezembro de 2019 a 22 de janeiro 2020 choveu aproximadamente 174 milímetro(mm), segundo fontes da  BAHIATER

A previsão é chuva até a próxima segunda-feira (27), com sol aberto ou parcialmente encoberto durante o dia e pancadas à noite. “Teremos um fim mês de janeiro atípico”. Finaliza nota.

 


Conforme nota da Secretaria de Meio Ambiente de Macaúbas, no site oficial da Prefeitura, após recebimento de denuncia de moradores da região do Povoado da Jurema, que fica no município de Macaúbas e divisa do Ibipitanga, onde há uma barragem que corta o Rio Paramirim, segundo a nota, após verificar presença de peixes mortos, forte odor na água e coloração estranha, os técnicos suspeito que a água possa está contaminada por agrotóxico ou resíduo de mineradores. No entanto, somente a análise química de amostra da água para comprovar tais suspeitas.

Outra razão não apontada pelos pela nota pode ser a presença de algas, micro-organismo que tiram ou reduzem o oxigênio das águas, causando assim mortandade dos peixes e mal cheiro. Na década de 90, processo fenômeno idêntico aconteceu na Lagoa do Açude, onde, na época,  segundo o Engenheiro Agrônomo Lindolfo Santos, estando neste momento presente o Prof. Ático Mota,  disse que poderia ser a “desoxigenação” da água, causada  por abundante presença de plantas aquáticas invasoras, criando assim, colonias de micro-organismo e causando mortes de peixes.

Caso ai que merece a atenção do Ministério Público, visto que as águas são usadas também para consumo humano, animal e até para irrigação.

Veja nota:

Barragem Jurema sobre o leite do Rio Paramirim

“Em uma Ação Integrada, no dia 20 de janeiro, deste ano de 2020, os Técnicos das Secretarias do Meio Ambiente de Macaúbas e Ibipitanga, acompanhados pelo Coordenador Municipal de Defesa Civil de Macaúbas, o senhor Gileno Leão Pinto Neto e o Secretário do Meio Ambiente e também Coordenador de Defesa Civil de Ibipitanga, o senhor Cristiano Santana Béu, inspecionaram o rio e as margens entre a barragem da Jurema e a barragem denominada Roça Velha, onde foram notados vários peixes mortos e, também parte da vegetação aquática.

Diante disso, os técnicos podem notar “in loco” um odor característico de agrotóxico, e também uma turbulência avermelhada na água, típico de resíduos dissolvidos do pendor do rio, durante das chuvas ocorridas anteriormente. Foram ouvidos também, depoimentos de ribeirinhos, que relataram fatos importantes, relacionados a despejos de esgotos e resíduos de mineração, e que, serão levados em consideração. Mas, no entanto, no entorno, ou seja, nas margens tanto direita quanto esquerda, não foi notado nenhuma vegetação morta, que comprovaria o uso dos produtos nocivos nas proximidades, levando a crer, que, o produto pode ter sido escoado para o rio em outras propriedades além dos limites dos municípios em questão.

E como pode ser notado, serão necessárias outras incursões com o apoio de outros municípios através das Secretarias do Meio Ambiente, dentro dos seus respectivos territórios e, também, a necessidade de uma análise da água para que sejam comprovadas as suspeitas.”

Barragem Jurema divisa Macaúbas/Ibipitanga

 


Atenção eleitores do Município de Macaúbas, a Justiça Eleitoral informa que o prazo final da revisão biométrica será em 18 de Fevereiro de 2020.
O cidadão que não atender à convocação da Justiça eleitoral terá o título cancelado.
Os eleitores deverão agendar o seu atendimento por meio do endereço eletrônico: agendamento.tre-ba.jus.br ou pelo telefone: 0800 071 6505 ou (71) 3373-7223.

No momento do atendimento, o eleitor deverá estar portando cópia e original do documento de identificação e do comprovante de endereço.
Evite filas e não deixe para a última hora.


Saiba mais na página do TRE/BA.


Fórum José Alcântara de Figueiredo. Endereço: Praça Maestro Zé Preto, S/N, Alto do Alexandrino, Cidade de Macaúbas-BA. CEP 46.500-000
Telefone: (77) 3473-1304 / 2212 / 2473 / 2474


Foto: Carol Garcia/GOV-BA

O volume de Serviços cresceu 1% na Bahia em outubro, em comparação com o mês imediatamente anterior. A informação foi divulgada nesta quinta-feira (12), na Pesquisa Mensal de Serviços, realizada pelo IBGE e sistematizada pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), autarquia vinculada à Secretaria do Planejamento (Seplan).

“Esta foi a quinta variação positiva de 2019 para este importante setor da nossa economia. Crescemos em outubro acima do índice nacional”, pontuou o secretário estadual do Planejamento, Walter Pinheiro.

O mesmo levantamento aponta que a receita nominal de serviços revelou, em outubro de 2019, os seguintes resultados: na comparação com setembro de 2019, cresceu 1,0%, com ajuste sazonal; na comparação com outubro de 2018, expandiu 1,7%; o indicador acumulado no ano ampliou 1,8%; o indicador acumulado em 12 meses expandiu 1,8%. Ainda em relação ao volume de Serviços, na comparação com outubro de 2018, caiu 1,6% e o indicador acumulado no ano contraiu 1,9%.

Atividades turísticas

Em outubro de 2019, o índice de atividades turísticas na Bahia apontou variação positiva de 3,1% frente ao mês imediatamente anterior (série com ajuste sazonal). “Mais uma vez, crescemos acima do índice nacional, que ficou com apenas 1,5% na mesma base de comparação, comprovando o bom momento do setor em nosso estado”, ressaltou Pinheiro.

O volume das atividades turísticas, quando comparado com o mesmo mês do ano anterior, na Bahia, avançou 2,0%. Na receita nominal, o estado apontou variação positiva de 6,0% ficando acima de Pernambuco (1,7%) e Ceará (1,3%). No indicador acumulado do ano, o agregado especial de atividades turísticas cresceu 1,8% frente a igual período do ano passado. Na receita nominal, o estado apontou variação positiva de 8,0% neste mesmo período. A Bahia também cresceu no indicador acumulado dos últimos doze meses, ficando em 1,9% e na receita nominal a variação foi positiva de 8,2%.