652 servidores públicos de Macaúbas receberam de forma “irregular” o Auxílio Emergencial do Governo Federal. Entenda como.

Na lista divulgada pelo TCU (Tribunal de Contas da União), consta o nome do município de Macaúbas entre as 30 cidades onde servidores públicos receberam o Auxilio Emergencial do Governo Federal, devido o estado de pandemia planetário. Segundo lista, outras cidades do Vale do Paramirim, tal como Boquira com 551 e Paramirim com 876, também formam citadas, Barreiras foi o município baiano que tem o maior número de servidores beneficiados, com 1.433, superando Salvador com 1.241 e Feira com 613.

Agencia da CEF em Macaúbas… Nem tudo é fraude…

Segundo orientação do TCU, o servidor que fazer a devolução de forma espontânea não sofrerá nenhuma sanção, pois há casos de não má fé por parte dos servidores, pois, muitos estavam inscritos do Cad Único e acabaram por receber o benefício de foram automática, no entanto mesmo estes devem fazer a devolução.

Entenda muitos dos casos de Macaúbas: 

O blog manteve contato com a servidora contratada temporariamente do município a senhora MPS, que preferiu  não ser identificada, ela é funcionária contratada para fazer limpeza durante a pandemia, onde a Prefeitura de Macaúbas, se viu obrigada a fazer contratações de pessoal de apoio, principalmente de limpeza no auxilio ao enfrentamento ao Coronavirus, bem como o pessoal que atua nas barreiras sanitárias, na higienização das ruas, parques e equipamentos públicos, quase a maioria destes estavam desempregados e são beneficiários do Bolsa Família, inscritos do Cad-Único ou em outro programa do governo, e assim, receberam automaticamente o auxilio emergencial. Se tratam na verdade de pessoas de baixa renda comprovada, e em sua maioria já usaram o dinheiro e não tem como fazer a devolução, muitos estão apavorados, uma situação diferenciada que deve ser analisada pelos órgão de controle.

Esta mesma situação certamente aconteceu em muitos municípios do Nordeste, como é o caso dos nossos vizinhos de Boquira e Paramirim, notem na lista que Salvador, onde tem proporcionalmente menos pessoas inscritas no Cad-ùnico teve um número reduzido de servidores beneficiados, o que atesta que em muitos casos não houve má fé…

Veja a lista, a qual não deve ser observada com indignação, e sim saber de forma justa como se deu cada caso. (Fonte TCU)

BARREIRAS – 1433

LAURO DE FREITAS – 1380

SALVADOR – 1241

CANSANÇÃO – 1036

PARAMIRIM – 876

ITAMARAJU – 869

CASA NOVA – 838

MONTE SANTO – 828

ARAÇÁS – 727

INHAMBUPE – 726

PORTO SEGURO – 725

ITABERABA – 721

PILÃO ARCADO – 691

CANAVIEIRAS – 688

RUY BARBOSA – 686

CÍCERO DANTAS – 679

CAMPO ALEGRE DE LOURDES – 657

MACAÚBAS – 652

ITAPICURU – 649

CRUZ DAS ALMAS – 623

SÃO SEBASTIÃO DO PASSÉ – 620

FEIRA DE SANTANA – 613

MALHADA – 609

CAMAMU – 600

RIO REAL – 588

VALENTE – 579

ITAGUAÇU DA BAHIA – 574

JUAZEIRO – 563

BOQUIRA – 551


Os comentários estão fechados.