1ª Feira Literária de Macaúbas homenageia o escritor Pror. Ático Mota e lança novos talentos.

Abertura feita pelo diretor Prof. Alan Figueiredo, na manhã desta terça feira 13 (Foto Dudu Souza)

Conforme nota do Prof. Teotônio da Silva Ferreira, que prestou assessoria de comunicação ao evento, que iniciou nesta terça feira, 13 e continua nesta quarta, no Centro Territorial de Educação Profissional (CETEP) da Bacia do Paramirim, unidade da rede estadual de ensino localizada em Macaúbas, no Sudoeste do Estado, está realizando,  I Festa Literária de Macaúbas (FLIMAC). Com a proposta de incentivar a leitura em suas diversas modalidades e suportes, contribuindo para a formação profissional e cidadania dos estudantes, a iniciativa conta com palestras, mesas-redondas, rodas de conversa, lançamentos de livros, shows e diversas manifestações artísticas. São esperadas de 3 a 5 mil pessoas nos dois dias de evento.

Centenas de estudantes, professores e a comunidade da Bacia prestigiaram o evento

No total, estão envolvidos cerca de 500 alunos do Ensino Médio integrado à Educação Profissional, estudantes dos cursos técnicos em Administração, Vendas e Secretaria Escolar. A estudante do curso técnico em Vendas, Graciele Oliveira Santos, 18 anos, é uma das participantes e fala sobre seu envolvimento. “Eu falo sobre a história entre o letramento e religiosidade em Macaúbas. A gente pesquisou sobre como os pais ensinavam seus filhos a ler e trouxemos vários artefatos antigos, como livros e bíblias que as famílias usavam para ensinar seus filhos a ler e escrever porque não tinham acesso a livros didáticos”, conta.

Na programação, destaque também para as exposições de fotografia e artes visuais. Toda a Festa, seus stands e mostras contam com a participação de alunos, que vão lançar livros de poesia e não-ficção, apresentar peças e outras produções como teatro, dança e poesia encenada. “Resolvemos fomentar essa festa para estimular o jovem talento, mostrar o que nossa região pratica em termos de literatura. A partir do evento buscamos atender a questões de aprendizagem, se comunicar com a comunidade do nosso município, Macaúbas, e melhorar a conexão com os outros municípios do nosso território”, diz o vice-diretor pedagógico, Teotônio da Silva Ferreira.

Entre os temas abordados, estão: ‘Jovens do terceiro milênio’, ‘A mulher negra na literatura’ e ‘A importância Histórica da Leitura’. As oficinas contemplarão tópicos como fotografia, desenho e como montar seu livro.

 


Os comentários estão fechados.